Página no Facebook

Página no Facebook
Clique na foto

TI Santa Luzia no Recife passa a operar com integração temporal

Com o objetivo de otimizar o tempo de embarque e aperfeiçoar os estudos de origem e destino do usuário, o Grande Recife muda a operação no Terminal Integrado Santa Luzia.

A partir do próximo sábado, dia 10 de agosto, todos os passageiros passarão a circular entre o TI e a Estação de Metrô exclusivamente com o Cartão VEM. A medida vem sendo divulgada por meio de cartazes, divulgadores no terminal e a distribuição do VEM Comum nas comunidades do entorno. Devido à mudança na operação, o usuário que desembarcar no TI Santa Luzia em direção ao metrô deverá passar seu Cartão VEM (Trabalhador, Estudante, Livre Acesso ou Comum) na bilheteria do metrô para ter acesso à Estação, sem o pagamento de uma nova tarifa. No sentido contrário, ao sair do metrô e entrar no TI para embarcar nas linhas 102 – TI Santa Luzia/Ibura, 106 – TI Santa Luzia/Parque Aeronáutica e 204 – TI Santa Luzia/Loteamento Jiquiá, o usuário deverá acessar o ônibus obrigatoriamente pela porta dianteira e passar o cartão no validador do coletivo, girando a catraca para completar o embarque, sem o pagamento de uma nova tarifa.

Uma das linhas que operam no terminal

De acordo com o Grande Recife, a implantação da integração temporal no TI Santa Luzia faz parte do processo de universalização da bilhetagem antecipada que agiliza o embarque e ajuda no planejamento da operação. Isso acontece porque, quando o usuário passa o cartão duas vezes no validador, é possível identificar a sua origem e o seu destino. Além de diminuir a entrada irregular de passageiros no sistema. “A integração temporal permite que o usuário utilize os dois modais (ônibus x metrô) pagando apenas uma passagem, no intervalo de duas horas. É importante lembrar que a integração temporal só é possível com o cartão do Vale Eletrônico Metropolitano. Por isso, os usuários devem adquirir o cartão VEM Comum que está sendo distribuído mediante cadastro no próprio Terminal. É possível fazer a recarga deste cartão na máquina do VEM presente na Estação do Metrô ou com os operadores que estarão portando as máquinas de POS (sem a cobrança da taxa)”, afirma o secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Marcelo Bruto.

Para tirar dúvidas ou enviar sugestões e reclamações, o usuário pode entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cliente (0800 081 0158) ou WhatsApp (99488.3999), exclusivo para reclamações.

Com isso os usuários do TI Santa Luzia terão maior opção de deslocamento utilizando diversas linhas a partir do uso da integração temporal , confira as linhas que fazem parte da matriz de integração do TI no site : www.granderecife.pe.gov.br

Reprodução de notícia publicada no site Grande Recife Consórcio , editada por Daniel Julio

2 comentários:

Gabriel disse...

sou residente do bairro de Areias, que é próximo ao T.I. Santa Luzia, mas acho que ele não serve para nós residentes do bairro, pois os ônibus da integração são do Ibura, e um do Jiquiá, nas proximidades do T.I. Acho que seria mais interessante para o uso desta integração se a mesma recebesse mais linhas alimentadoras, como a minha, 211-Vila Tamandaré, e a 221-Vila Cardeal. Poderia até se ver a colocação de outras linhas de mais baixa demanda, como 222-Jardim Uchôa e 242-Pacheco (Floresta), pois são linhas que são de uso bem baixo, e da integração sair uma linha radial em direção ao centro da cidade, traria mais opções ao usuário, pois o mesmo escolheria se iria ao centro da cidade de ônibus ou metrô, e ainda interligaria os bairros, já que o Vila Tamandaré, por exemplo, não vai até Areias pela Avenida Doutor José Rufino.

Gabriel disse...

Poderiam até pensar em uma linha para o T.I. que interligasse o T.I. Santa Luzia ao T.I. Getúlio Vargas, já que ele poderia pegar por San Martin e chegaria ao TI GV.

Links

Fique por dentro !

MINIATURAS

Minha galeria